Cultura para se ver, sentir e comer
27 | 04 | 2018
A Cardeal é uma pequena empresa de alimentação, focada em produtos (biscoitos e doces) feitos a partir da castanha do caju, fruto abundante na região nordeste do Brasil e parte da cultura alimentar de seu povo. Essa cultura transcende os aspectos relacionados apenas à gastronomia e fazem parte do imaginário artístico popular, estando sempre presente em manifestações nas artes plásticas, na música e em festas populares.

Era natural, então, imaginarmos as embalagens da Cardeal como uma expressão da riqueza cultural de um povo. Cultura dentro e fora da embalagem. Cultura para se ver, sentir e comer. Nosso objetivo desde o princípio foi conquistar as pessoas através da emoção. Acrescentar aspectos culturais e técnicas manuais é parte importante de nosso trabalho, que chamamos por aqui de “design soul made”.

Como acontece com tantos outros microprodutores, a embalagem é o principal ponto de contato da marca com o mundo lá fora. É sua principal plataforma de comunicação, e por isso mesmo, precisava ser singular e especial. Carregar histórias e emoção.


Com o conceito criativo em mente (“Cultura para se ver, sentir e comer”), escolhemos o bordado, técnica muito comum na região, como linguagem visual. Todas as ilustrações das embalagens foram desenhadas em tecido e bordadas manualmente, uma a uma, por nossa equipe de criação, que se envolveu emocionalmente no processo, se dispondo a aprender a técnica artesanal.

As ilustrações feitas em bordado conferiram à embalagem um ar ao mesmo tempo sofisticado e artesanal. Um ar delicado, de “feito à mão”. As embalagens são carregadas de tradição e história, mas ao mesmo tempo, contemporâneas e universais. O novo projeto gráfico das embalagens fizeram parte de um processo de construção de uma nova identidade visual e posicionamento da marca Cardeal, que resultou também na mudança de seu logotipo. Com a nova identidade visual e as novas embalagens, a marca se prepara para conquistar mercados também fora do Brasil.